EVOLUÇÃO DO KARATE.

agosto 10, 2009

A evolução “Tode” ou “Mão Chinesa” como foi chamado uma vez, para o que hoje conhecemos como “Karate” ou “o caminho de mãos vazias”, tem envolvido as contribuições de um grande número dos Mestres do passado, incluindo os chineses e a linhagem de okinawa.
Alguns desses Mestres são conhecidos hje em dia através dos seus atos, ou, em alguns casos, através dos atos dos seus alunos.
Outros Mestres, no entanto, são desconhecidos para nós, uma vez que, praticavam a arte na solidão , e não produziram alunos .
Embora reconhecendo sempre em nossos corações as contribuições feitas por estes desconhecidos .
Takahara Peichin
1683-1760
Nasceu em Shuri, Okinawa, As datas de nascimento e morte de Takahara variam dependendo da fonte, são 1683 – 1760.
Como um membro da classe alta da sociedade Okinawan Takahara foi bem viajado e bem educados durante sua vida útil.
Ele foi aluno de Chatan Yara (1668 – 1756) que era um mestre de To-De e cujo legado vive em Katas como “Chatan Yara não Kon Sho”, “Sai Sho Chatan Yara “, e ” Chatan Yara não Sai Dai “. Takahara foi o aluno mais famoso de “Tode” Sakugawa.
Kushanku
(datas desconhecidas)
Um chinês enviado para a ilha de Okinawa reino, Kushanku teve um breve mas substancial influência sobre a vida de um dos maiores mestres de todos os tempos “Tode” Sakugawa.
Pouco depois da morte de Kushanku Sakugawa desenvolveu o “Kushanku” e deu esse nome em honra do seu antigo professor, hoje, o kata é conhecido como um dos mais longos no currículo do Shotokan , e é conhecido como “Kanku Dai” ou “Olhando para o Céu “. Existem muitas versões deste kata em circulação hoje e é um dos mais antigos Katas existentes.

“Tote” SAKUGAWA 1782 – 1862 Nasceu em Shuri, Okinawa .
“Tote” Sakugawa foi um aluno de um monge budista Takahara Peichin e teria, por um breve período de tempo, estudado com o mestre chinês Kushanku. “.
Ele viajou com ele para estudar na China , e regressou a Okinawa, onde apresentou o seu estilo de luta para a comunidade local.
Com o tempo ele iria se tornar conhecido como o “Pai do To-De, e entre o seu legado está o conceito de dojo kun.
Sua proficiência com o bo também está conosco hoje, sob a forma de kata “Sakugawa não Kon Sho”.
Um dos seus alunos foi Sakugawa Sokon Matsumura, o filho de uma proeminente família ,Matsumura tornou uma dos maiores mestres de okinawa, bem como o fundador do estilo Shuri-te que mais tarde evoluiu para um estilo conhecido hoje como Shorin-Ryu.
Soken “BUSHI” MATSUMURA
1809 – 1896 +
Nascido em Okinawa ,Matsumura nasceu na classe alta da sociedade de Okinawa.
Primeiro começou a estudar com o grande mestre “Tode” Sakugawa. . Viajou para a China, onde é dito que ele estudou por um tempo com o mestre Iwah. . Ele foi mais tarde na vida de encontrar um homem chamado Chinto depois que ele foi mais tarde para um kata nome do seu próprio desenho.
Entre seus muitos alunos está Yasutsune Itosu, mais tarde a ser conhecido como um dos primeiros professores de Gichin Funakoshi, o fundador do Shotokan que seria um dia ser reconhecido como o “Pai do Karate Moderno”.
Matsumura ajudou a criar os Katas Chinto, Wansu, Passai, e Seisan. Foi Matsumura, que assumiu o Shuri-te e criou o estilo que hoje conhecemos como Shorin-Ryu.
Yasutsune Azato
1828-1906
Nascido na cidade de Azato,
Nascido na classe altae com parentes importantes na alta sociedade de Okinawa, facilitou para Azato , entrar no mundo das artes marciais. Um perito em muitas formas de Budo, Mestre Azato apesar da sua própria habilidade, estava a ganhar fama em mais uma forma indireta, e que era como um dos dois professores primários para o futuro “Pai do Karate Moderno”, Sensei Gichin Funakoshi.
YASUTSUNE ITOSU
1831-1915
Nasceu em Shuri, Okinawa,
Itosu em uma idade precoce foi levado para o estudo do “Bushi” Matsumura.
É a partir da Itosu e também Yasutsune Azato do estilo de Shuri-te que Gichin Funakoshi mais tarde desenvolveu o estilo que hoje conhecemos como Shotokan, enquanto outro aluno de Itosu , Kenwa Mabuni, viria a passar a criar o estilo conhecido hoje como Shito-Ryu. Itosu deu a primeira demonstração pública de Karate em Okinawa em 1903, e ele foi um grande fator para que o To-de De Okinawa fosse introduzido no sistema escolar público.
Diversas fontes creditam Itosu com utilizador do kata, “Kushanku” para criar o Pinan, Heian ou Katas como são conhecidos hoje no Shotokan.
Hoje, porém, existe uma crescente convicção de que a verdadeira fonte utilizada por Itosu para a criação do Pinan Katas Heian foram uma forma conhecida como “raiz Katas”.
Além de sua habilidade, Itosu foi conhecido em Okinawa pela sua lendária força.
GICHIN Funakoshi
10 de novembro de 1868 – 26 de abril de 1957
Sensei Gichin Funakoshi, conhecido no mundo inteiro como o Fundador do Shotokan Karate-Do, nasceu em Shuri, Okinawa em Yamakawa-cho distrito em 10 de novembro de 1868.
Os registros oficiais distritais, no entanto, mostram que o seu nascimento teve lugar em 1870, mas ele na verdade tinha falsificado seu próprio registro, a fim de ser capaz de tomar a escola médica .
Apesar de passar no exame Sensei Funakoshi nunca se tornou um membro da profissão médica.
Nascido uma frágil criança ,muitos membros da sua família sentia que estava destinado para uma vida curta .
Foi durante seus primeiros anos da escola primária que ele conheceu o “Tode” ou “Mão Chinesa” , com o mestre Yasutsune Azato.
Sendo um bom aluno, Funakoshi floresceu sob a tutela do Mestre Azato .
Posteriormente Mestre Azato iria apresentá-lo para outro importante professor com quem ele iria igualmente estudar, Mestre Yasutsune Itosu.
Foram esses dois homens mais do que quaisquer outros, que teria o maior impacto sobre sua vida.
Já não está interessado em entrar no ensino médico , Gichin Funakoshi decidiu tornar-se um professor e, por isso, depois de passar no exame de qualificação ,teve seu primeiro cargo como professor de classe , na escola primária em 1888.
Era uma profissão que seguiria por mais de trinta anos.
Um ponto alto no karate de Funakoshi teve lugar no dia 6 de março de 1921, quando ele teve a honra de demonstrar a arte do Okinawa te ao então Príncipe Herdeiro Hirohito, durante uma visita que fez a Okinawa. Depois, na Primavera de 1922, Gichin Funakoshi viajou para Tóquio, onde tinha sido convidado a apresentar a sua arte de To-de na Primeira Exposição Nacional Atlética em Tóquio ,que tinha sido organizado pelo Ministério da Educação.
Após a demonstração ele foi convidado por vários grupos e indivíduos para permanecer no Japão e, na verdade, ele nunca voltou a viver em Okinawa.
Como ele tinha dito em Okinawa, o sistema educativo do Japão se tornou um fator importante na disseminação do karate.
Em 1924 Gichin Funakoshi tinha começado a introduzir karate a várias das universidades locais, em primeiro lugar Keio, seguido de Chuo, Tokyo, Waseda e para apenas citar alguns.
Foi através dessas universidades que ele atingiu uma audiência muito maior e isso contribuiu muito para a crescente popularidade do karate. Mestre Funakoshi foi finalmente estabelecer o dojo Shotokan em 1936, um grande marco na história do karate.
Sensei Funakoshi não era só um gênio em artes marciais, mas ele também era um talento literário, e ele assinou todas as suas obras como “Shoto” que era seu apelido. .
Assim, a escola ou dojo onde lecionou veio a ser conhecido como “Shoto da escola” ou “Shotokan”, que, em última análise, foi adotado como o nome oficial para o seu estilo de karaté.
Sensei Funakoshi combinada das técnicas e dos dois principais estilos de To-De para formar o seu próprio estilo de karate.
Como resultado, o Shotokan inclui as poderosas técnicas de Shorei , assim como os mais leves e mais flexíveis movimentos do estilo Shorin .
O original Dojo Shotokan foi destruído em 10 de março de 1945 ,em um bombardeio aéreo em Tóquio .
No início Sensei Funakoshi ensinou apenas dezesseis Katas, eles foram: Kankudai, Kankusho, cinco Katas Heian (conhecido em Okinawa como Pinan Katas), três tekki Katas (conhecido em Okinawa como Naihfanchi Katas), Wanshu, (mais tarde a ser conhecidos como Empi ), Chinto, (mais tarde a ser conhecidos como Gankaku), Patsai, (mais tarde a ser conhecidos como Bassai), Jitte, Jion e Seisan (mais tarde a ser conhecidos como Empi), uma vez que sentiu que dezesseis Katas eram mais do que suficiente para um vida.
Após o final da Segunda Guerra Mundial, o karatê foi reavivado lentamente, e um grande avanço ocorreu quando o Japão Karate Association (JKA) foi criada em 1949, com Sensei Funakoshi nomeado pela organização, devido à sua liderança e habilidades avançadas com Embora Sensei Funakoshi era famoso como um grande mestre karate ,ele era também um homem muito humilde.
Durante sua vida ele destacou três aspectos importantes do karate-do acima de tudo e que era, base técnica, kata, bem como o desenvolvimento de valores espirituais que conduz à perfeição do caráter dos participantes do karate.
Ensinando a arte do karaté por mais de setenta e cinco anos, mestre Gichin Funakoshi faleceu em Tóquio, no Japão em 26 de abril de 1957 com a idade de 88 anos.
Sensei Yoshitaka Funakoshi – Waka Sensei
Yoshitaka tem uma saúde frágil. Sofre de tuberculose desde muito jovem. Aos 12 anos inicia a prática de Karate com o seu pai. Em Tokyo, começa a trabalhar para o Ministério da Educação, como técnico de radiologia.
Enquanto o Mestre G. Funakoshi se concentra mais no ensino dos Katas, Yoshitaka dedica-se ao Kumite, desenvolve o seu treino e dá um grande impulso ao Karate do seu pai.
Yoshitaka Sensei treina Makiwara e saco todos os dias.
O seu Karate torna-se mais forte e eficiente.
O tronco de perfil, nas defesas, é o resultado da sua prática com o Bô-jutsu. Nesta Arte cria a Kata Matsukase.
Aos vinte e quatro anos ajuda o seu pai nos treinos do Clube de Karate da Universidade de Waseda. Com trinta anos (1936) começa a ensinar no Shotokan Dojo e é nomeado Vice-Presidente do Dai Nippon Karate-Do Shotokai.
Foram seus parceiros de treino e assistentes nas classes, Egami Sensei, Hironishi Sensei e Okuyama Sensei.
Afastando-se pouco a pouco do Karate de Okinawa (com distâncias curtas, ataques curtos e posições mais altas), Yoshitaka Sensei, sempre com a aprovação do seu pai, revoluciona o Karate de então. Alonga e baixa as posições, aumenta a potência dos movimentos e das técnicas e cria as várias formas de Kumite (Ippon-Kumite, Gohon-Kumite, Jiyu-Ippon-Kumite).
São fruto do seu dinamismo e criatividade, as técnicas de pernas (Yoko geri, Mawashi geri, Ushiro geri), a Ten-no-Kata e as 3 Taikyokus. No Ki-hon dá importância fundamental ao Oi-Tsuki e ao Gyaku-Tsuki.
É referida, por alguns Mestres que com ele privaram, a criação e a estabilidade da sua posição de Fudo Dachi, e a eficácia das suas defesas e dos seus ataques.
Faleceu em Novembro de 1945, no mesmo ano em que o Shotokan (Dojo do seu pai) é destruído.
Nakaiama sensei
Nasceu em abril de 1913 na cidade de Yamaguchi. Era descendente do clan Sanada, respeitados instrutores de Kenjutsu, arte do sabre. Entrou na Universidade Takushoku em 1932, unindo-se imdediatamente ao clube de karatêda universidade sob a tutela de Gichin Funakoshi e seu filho, Yoshitaka Funakoshi. Despois de licenciar-se viajou a China.
Voltou da China em 1946 e fundou com outros praticantes e sob a tutela de Gichin Funakoshi a Japan Karate Association, criando em 1955 o dojo central dauqle momento estava em Yotsuya, Tokyo. O governo japonês reconheceu em 1957 a JKA como instituto de ensino de Karatê. Criou o programa de formação para futuros instrutores da JKA, Japan Karate Association, com uma duração de 2 anos. Omestre Nakayama também criou a primera competição de Karate que teve lugar no Ginásio metropolitano de Tokyo em 1957.
Insistia em que não há primeiro ataque no Karatê.
Ensinou aos principais instrutores de Shotokan na Europa, Enoeda, Taiji Kase, Shirai, Miyazaki. Resumiu as técnicas e Kata do Shotokan nos 11 volumes de “Best Karate.” Masatoshi Nakayama faleceu em 1987 com a idade de 74 anos como figura e símbolo da consolidação e expansão do Karatê.
Precursores do Karate no Brasil
Introduzido no Brasil na década de 50, através da colônia japonesa, inicialmente no estado de São Paulo e posteriormente em outros estados, o karate logo ganhou diversos adeptos.
Relacionamos os precursores do karate no Brasil, por estilos, data da chegada ao Brasil e data do nascimento.

SHOTOKAN

MITSUSUKI HARADA – chegou ao Brasil no ano de 1955, para trabalhar no Banco América do Sul, agência em São Paulo, e portava o 5º Dan outorgado diretamente pelo Criador do Estilo Shotokan Gichin Funakoshi. Nasceu na Manchúria em 1928, em 1948 entrou na Universidade Waseda.

JUICHI SAGARA – chegou ao Brasil no ano de 1957. Nasceu em Kanagawa/Japão no ano de 1934. Cursou a Universidade de Takudai, onde iniciou a prática do karate Shotokan. No Brasil, juntamente com Yassutaka Tanaka, Sadamu Uriu, e Tetsuma Higashino, todos colegas da Takudai, iniciaram na Vila Prudente em São Paulo de forma organizada o ensinamento da prática do karate.

EISUKE OISHI – em 1961 mudou-se para a Bahia o japonês Eisuki Oishi, 19 anos, que tinha conhecimento do karate, mesmo não sendo faixa preta, e que iniciou Denílson Caribe na prática do karate, sendo considerado o precursor do karate no estado da Bahia.

O fundador do estilo foi o Mestre Gichin Funakoshi (1868-1957)

GOJURYU

SEIICHI (Shikan) AKAMINE – chegou ao Brasil no ano de 1958 a convite da Okinawa Riukai para difundir o karate, portando a graduação de 8º Dan. Nasceu na cidade de Naha/Okinawa em 1920.

O fundador do estilo foi o Mestre Chojun Miyagi (1888-1953)

WADORYU

KOJI TAKAMATSU – chegou ao Brasil no ano de 1956. Nasceu na cidade de Kakogawa/Japão em 1930. Cursou a Universidade de Agricultura de Tóquio.

TAKEO SUZUKI – chegou ao Brasil no ano de 1960 onde permaneceu até 1973. Nasceu na cidade de Tóquio/Japão em 1937, onde cursou a Universidade de Agricultura.

MICHIZO BUYO – chegou ao Brasil no ano de 1964. Nasceu na cidade de Okayama/Japão em 1940. Formado pela Universidade de Agricultura de Tóquio.

O fundador do estilo foi o Mestre Hironori Otsuka (1892/1982) .

SHORIN-RYU

YOSHIHIDE SHINZATO – chegou ao Brasil em 1954. Nasceu na ilha de Okinawa/Japão em 1927. Em 25 de Janeiro de 1954 realizou uma demonstração de karate no parque do Ibirapuera em comemoração ao 4º Centenário da cidade de São Paulo.

O fundador do estilo foi o Mestre Choshin Chibana (1892/1969) .

KENYURYU

AKYO YOKOYAMA – chegou ao Brasil no ano 1965. Nasceu na cidade de Tóquio/Japão em 1942. Formado em ciências contábeis e administração.
O KARATE EM GOIÁS.
O primeiro professor a ministrar aulas de Karatê em Goiás foi Sensei Taniguchi, por volta da década de 60, ficando pouco tempo nesta função. Por volta de 1966 chega à Goiás o Sensei Pedro Mizukami, responsável pela organização inicial e pelo estabelecimento dos princípios da arte no estado, sendo dele o título de introdutor desta arte marcial em Goiás.
Em 1980 chega à Goiânia o Sensei Luiz Tazuke Watanabe, ex-campeão mundial de Kumitê ( Luta), ministrando neste ano um curso de atualização e aperfeiçoamento em Karatê melhorando a qualidade técnica dos atletas do estado. Sentindo a grande vontade e a necessidade da organização de uma federação, com o apoio do Sensei Hugo Nakamura, resolveu ficar e organizar o Karatê goiano.
Neste mesmo ano o Dojo “Templo das Artes Marciais” foi construído por Watanabe e uma rotina de treinamento estabelecida com a colaboração do Sensei Sinval Bittencourt, devido à boa preparação deste. A construção das instalações do Dojo teve a participação do próprio Watanabe mostrando sua humildade e gosto pelo esporte, esta lição de vida ensinou a todos o amor ao Karatê.
Esta iniciativa teve ampla aceitação pelos atletas da época e originou um empenho nos treinamentos com a orientação do Sensei Watanabe, que o nível dos atletas subiu de regional para nacional e internacional.
Watanabe deixou uma raiz sólida apesar do Karatê ter sido dividido em várias confederações, devido à política adotada no Brasil. Os alunos do Sensei Watanabe continuam unidos e nossos atletas continuam a se destacar no mundo do Karatê.

About these ads

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: